Exoneração de jovem apadrinhado do PTB é publicada no Diário Oficial da União

O Ministério do Trabalho nomeou em outubro do ano passado um jovem de 19 anos para controlar contratos milionários da pasta. Mikael Tavares Medeiros foi indicado ao cargo pelo PTB e é responsável por autorizar pagamentos que chegam a R$ 473 milhões por ano aos fornecedores.

O pai de Mikael Medeiros, Cristiomário Medeiros, é delegado da Polícia Civil de Goiás e aliado do líder do PTB na Câmara, o deputado federal Jovair Arantes, que teria sido o responsável pela indicação do garoto ao Ministério do Trabalho.

Cristiomário Medeiros foi candidato derrotado a prefeito de Planaltina de Goiás pelo PTB, em 2016. E nesta última segunda-feira, 12 de março o “Diário Oficial da União” publicou a exoneração de Mikael Tavares Medeiros do Ministério do Trabalho.

O jovem de 19 anos, que acabou de terminar o ensino médio, ocupava o cargo de gestor financeiro de contratos da pasta. A exoneração de Mikael Medeiros da função e do ministério foi assinada pelo ministro Helton Yomura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *