Sem dinheiro, Estado oficializa concursos para 17 mil vagas

Em meio à crise de não conseguir quitar em dia os salários dos servidores estaduais e com o orçamento aprovado para 2018 com déficit de R$ 8 bilhões, o governo de Minas confirmou a realização de concursos para preencher vagas na Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), na Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) e também na Secretaria de Estado de Educação (SEE) para 2018. Só para a área de educação, serão 16 mil vagas para professores e outras 700 para o cargo de especialista de educação básica. Juntos, os três setores vão oferecer quase 17 mil postos de trabalho.

De acordo com a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), as novas contratações na Cemig e na Codemig não representarão gastos a mais nos cofres do Estado, pois elas são empresas estatais e que possuem orçamentos próprios.

Sobre o concurso da pasta de Educação, a Seplag disse apenas que a realização está garantida por um decreto e que outras informações sobre o processo seriam fornecidas pela SEE. O subsecretário de Gestão de Recursos Humanos da pasta, Antonio David de Sousa Junior, passou a tarde dessa terça-feira (26) discutindo os últimos detalhes do edital e não pôde conversar com a reportagem. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Educação, o edital será divulgado até a próxima sexta-feira com todas as informações do processo.

Na época em que o concurso foi autorizado pelo governo, a secretária de Educação, Macaé Evaristo, afirmou que o novo processo se juntaria à política do Estado de “valorização do servidor”. “Isso vai contribuir para que, no ano que vem, a gente consiga a maioria de servidores efetivos no conjunto das carreiras da Educação”, disse Macaé na ocasião.

A reportagem tentou contato com a presidente do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (SindUte), Beatriz Cerqueira, para comentar sobre o concurso, mas ela não atendeu as ligações.

Mais vagas. Somente a Cemig vai realizar dois processos de seleção. O primeiro, para eletricistas e mantenedores, está com inscrições abertas até o dia 11 de janeiro, e as provas serão realizadas em fevereiro. Serão oferecidas 47 vagas.

Além disso, a estatal vai abrir inscrições em fevereiro para preencher mais 109 postos de trabalho para níveis médio, técnico profissionalizante e superior.

Já a Codemig encerra nesta quinta-feira (28) o período de inscrições para o concurso da estatal, cujas provas serão aplicadas no dia 28 janeiro. Ao todo, são oferecidas 19 vagas para níveis médio, técnico e superior.

A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) publicou edital para o preenchimento de 56 vagas na instituição, para todos os níveis de escolaridade. As inscrições começam no dia 19 de fevereiro e terminam no dia 12 de março.

Já o concurso da Câmara Municipal de Belo Horizonte, que oferece 102 vagas para níveis médio e superior, encerra as inscrições no próximo dia 4 de janeiro. Outras informações pelo site www.consulplan.net.

Clique para visualizar as vagas oferecidas:


Fonte: O Tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *