Vendedor de 14 anos é agredido no centro porque não deixou andarilho pegar balas sem pagar

Na tarde de quarta-feira, 11, a PM compareceu na Praça Pe. José Pereira Coelho, centro, onde o solicitante de 14 anos relatou que estava vendendo balas no semáforo, momento em que se aproximou dele o autor do qual ele informou apenas o prenome,o qual lhe disse que queria pegar bala sem pagar. Diante da recusa do adolescente, o autor passou a lhe agredir com socos vindo ambos a entrarem em luta corporal e agressão. Ambos não tiveram ferimentos e o autor evadiu não sendo localizado. Pelo prenome e características repassadas aos policiais pela vítima, o autor é um andarilho que está morando nas ruas do centro, tendo já se envolvido em ocorrências de furto/roubo e outras de transtornos às pessoas, tendo sido preso já várias vezes pela PM.

O adolescente foi encaminhado à sua genitora, a qual foi orientada sobre o fato dele estar vendendo balas nas ruas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *